sexta-feira, 30 de abril de 2010

O tempo

      Olá, pessoal! Mais um mês se passou. Nossa! Como o tempo está voando! Hoje, estou aqui para contribuir mais uma vez com o blog.
Observando as pessoas, podemos notar que a maioria está sofrendo por falta de tempo. Não precisamos procurar muito para encontrar alguém reclamando, basta solicitarmos um minutinho a alguém que parecerá  o fim do mundo.Ao notar essas atitudes, esses dias me questionei, o que está acontecendo? Os dias estão menores? As pessoas mais ocupadas? O que está tomando tanto nosso tempo?
Mesmo que alguns físicos tentem explicar, ainda não aceito a teoria que os dias estão ficando menores. Mas, sim, existem teorias, modelos experimentais e diversas fórmulas que alguns estudiosos defendem que, gradativamente, o dia diminui. Será mesmo?
Eu prefiro acreditar que estamos dividindo mal nosso tempo e por isso sofremos por algo errado que nos acomete, como: não dividirmos o tempo adequado para cada situação; não darmos prioridades para as coisas importantes da vida, etc.
Chegando onde finalmente eu queria, senti vontade de compartilhar com vocês a reflexão acerca de  estamos dividindo nosso tempo, quais são nossas prioridades.
É triste admitir, mas estamos dando prioridades para as coisas erradas, estamos nos “vendendo” para o diabo, literalmente.
Se assustou? Não acha que seja isso? Então, me fale, como você tem gastado seu tempo? O que vemos hoje são pessoas preocupadas apenas em trabalhar, em acumular riquezas na terra, pessoas que querem se divertir, porém, para isso terminam indo para os mais diversos tipos de perdição, pessoas  jogando seu tempo fora e depois reclamando que sentem falta dele.
Em 24 horas, quanto tempo você deixa para Deus? E para seus familiares, você tem disponibilizado tempo para eles? Para você, sua saúde, tem tido tempo para dormir, se alimentar corretamente, se cuidar? Será que vale a pena levar a vida da forma como estamos fazendo? Até quando vamos persistir nesse modo de viver?
Estou próximo de completar 23 anos e, esses dias, parei para pensar nessas coisas, notei que eu estava desperdiçando meu tempo, sofrendo com esse mal atual, a falta de tempo. Estou tentando me reeducar, definir melhor minhas prioridades, aproveitar melhor meu tempo, servir a Deus, até porque o tempo é passageiro e precisamos, cada dia, buscar nossa salvação.
Sendo guiados pelos ensinamentos de Deus, podemos ter certeza que viveremos muito melhor, e o tempo não será mais um problema. Aí vai uma dica, antes de fazer qualquer coisa, consulte a Deus, veja se é mesmo para você fazer isso,pois, assim, você poderá estar ganhando tempo e evitando possíveis  sofrimentos.
Bom inicio de mês para todos!
Que Deus possa iluminar cada instante da suas vidas!
Abraços,
Frederico Melo Lacerda



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar no blog!