domingo, 31 de janeiro de 2010

O preço da humilhação

"Sim, por amor de ti,somos mortos todo dia, somos reputados como ovelhas para o matadouro." (Salmos 44.22)

Há uma cena que me fere bastante o coração: a cena da humilhação.
O Senhor permite que passemos muitas humilhações, e como elas doem!

A dor de nos sentirmos injustiçados é tão grande que o nosso coração parece que não vai aguentar...
Contudo, apesar de difícil, isso é necessário.

Não sei qual a situação em que cada um de vocês (que lerem este post) se encontram, mas sei que Deus está no controle de toda sua vida.

A humilhação pode se manifestar de diversas formas, por palavras, atitudes, etc, e pode vim de todas as direções também. O pior de tudo é que semrpe vem de onde a gente menos espera, e muitas vezes das pessoas que mais consideramos...

Ah, Israel de Deus! A cruz é pesada, esse é o preço de seguirmos a Cristo.
Neste mundo seremos humilhados, apedrejados, até mesmo cuspidos, mas devemos ser perseverantes e continuarmos a caminhar, como fez Jesus, Ele aguentou tudo calado.

Nosso salvador nos disse: "Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vos-ão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão." (Mateus 24:9-10) 

Não podemos nos iludir e achar que teremos uma vida tranquila aqui, porque não teremos. Passaremos por muitas dores que Jesus passou, para que, dessa forma, sejamos lapidados pelo oleiro.
 
"Como o vaso, que ele fazia de barro, quebrou-se na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme o que pareceu bem aos olhos do oleiro fazer. Então veio a mim a palavra do SENHOR, dizendo: Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? diz o SENHOR. Eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel." (Jeremias 18: 4-6)
 
Ainda que não entendamos, todas as dificuldades que passamos e passaremos é para o nosso bem, é para termos o carácter de Cristo. Ele  quebra nosso coração, nos limpa do pecado, e nos faz de novo, um novo vaso, mas agora um vaso de honra.
 
Teremos aflições sim neste mundo, mas ainda nesta vida, se permanecermos fiéis, seremos exaltados, é promessa do Pai.
Uma pessoa para ser exaltada, antes, deve ser humilhada. Não há como pularmos nenhuma etapa, uma depende da outra.
 
“Pois tu, ó Deus, nos provaste; tu nos afinaste como se afina a prata. Tu nos puseste na rede; afligiste os nossos lombos, fizeste com que os homens cavalgassem sobre as nossas cabeças; passamos pelo fogo e pela água; mas nos trouxeste a um lugar espaçoso.” (Salmos 66:10-12)
 
Aleluia! Seremos exaltados pelo Deus todo poderoso! Nosso tempo de choro não durará para sempre.
Após as dificuldades, e por conhecer nossos corações e a nossa sinceridade, receberemos a nossa grande recompensa do nosso Pai celestial.
 
Se está difícil, chore para Deus, entretanto, não deixe de crer que sua história mudará, que Deus é fiel para cumprir a boa obra que Ele mesmo começou em nossas vidas.
 
Não há cristão sem provação, mas também não há cristãosem vitória. Glória a Deus!
 
Eu creio que o tempo de cantar chegará, Senhor! Obrigada por tuas promessas em minha vida!

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Sim, o diabo existe!



Como caíste desde o céu, ó estrela da manhã, filha da alva! Como foste cortado por terra, tu que debilitavas as nações! E tu dizias no teu coração: Eu subirei ao céu, acima das estrelas de Deus exaltarei o meu trono, e no monte da congregação me assentarei, aos lados do norte subirei sobre as alturas das nuvens, e serei semelhante ao Altíssimo. (Isaías 14:12-14)

Ao contrário do que muitos pensam e condizente com que tantos outros acreditam: Sim, o diabo existe!
E conforme é descrito na bíblia, ele foi criado por Deus, mas um dia quis ser maior que o criador...

Eu sempre acreditei em Deus, fora uma época em que tive um acesso de incredulidade, mas nada muito duradouro. Sempre também acreditei que o diabo existisse, só nutria um medinho e, para não ficar horrorizada, seguia minha vidinha achando que se eu somente acreditasse em Deus estaria segura. Hoje sei que as coisas não são exatamente assim...

O que me impressiona é saber que pessoas crêem em Deus, mas não acreditam que satanás existe, simplesmente ignoram o seu poder. Sei que muitos não dão valor devido ao diabo, outros tantos valorizam demais essa criatura "horrenda". Afinal, como devemos tratá-lo?

Primeiro, devemos saber qual é a posição dele em nossas vidas. Andamos com ele ou somos seus inimigos?

"Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, para os que se perdem está encoberto. Nos quais o deus deste século cegou o entendimento dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus." (II Coríntios 4:3-4)

O diabo é uma criatura, um ser espiritual que pertencia à ordem dos querubins, sendo o mais importante entre os anjos. Mas depois do seu pecado, ele se manifestou como homicida: "Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele." (Jo 8.44); mentiroso: "Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira." (Jo 8.44);  pecador costumaz: "Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo." (1ºJo 3.8); acusador: " (...) porque já o acusador de nossos irmãos é derrubado, o qual diante do nosso Deus os acusava de dia e de noite." (Ap 12.10).
Quando aceitamos a mentira do próprio diabo e acreditamos que ele não existe, passamos também a não crer que o pecado existe e, consequentemente, aceitamos o pecado, aceitamos o estilo de vida fora da palavra de Deus, achamos que tais coisas não tem nada a ver, entretanto, Deus disse: "Quem comete o pecado é do diabo". ( 1ºJo 3.8). 

"Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar." (1º Pedro 5:8)

Contudo, se formos verdadeiramente filhos de Deus, crucificarmos a carne por amor e tivermos uma comunhão com o nosso Pai celestial, não aceitaremos seus enganos "sutis" e o teremos como adversário, mas como um adversário derrotado, uma vez que a sua sentença já está selada, não se esqueçam!

"E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre." (Apocalipse 20:10)

O nosso Deus é maior e muitíssimo mais poderoso que o inimigo (satanás), porém, Ele mesmo já nos advertiu que devemos guerrear contra o anjo decaído até chegar o momento do seu castigo final, onde todos os demônios, juntamente com todos os homens que compactuaram com ele queimarão eternamente no inferno. Para estarmos a salvo do diabo devemos ter uma vida íntima com Deus, lutando contra o pecado, pois só assim poderemos nos revestir da sua armadura espiritual que Ele nos deu.

"Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para que possais estar firmes contra as astutas ciladas do diabo". (Efésios 6:10)

Se temos o capeta como nosso inimigo não devemos temê-lo, mesmo que ele nos afronte, afinal, é essa a sua função, tentar nos fazer desistir de seguir a Deus para que sejamos condenados junto com ele. Ele é uma criatura perspicaz, mas, apesar do poder que lhe foi dado para reinar na Terra, não é onisciente, antes é finito e a sua ação pode ser resistida: "sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." ( Tg 4.7)
O mais maravilhoso é que o nosso Deus impõe limite a ele: "E disse o SENHOR a Satanás: Eis que tudo quanto ele tem está na tua mão; somente contra ele não estendas a tua mão. E Satanás saiu da presença do SENHOR." ( Jó 1.12)

Como a palavra nos comprova, não dá para fingirmos que não há um ser maquiavélico por aí, pois ele veio para matar, roubar e destruir (João 10:10).

Por mais difícil que seja, não devemos nos render. Somos mais que vencedores em Cristo Jesus!

De que lado você está?

Obrigada, Jesus porque Tu já me deste poder para pisar em serpentes e escorpiões. Sou mais que vencedora em Ti!

"Eis que vos dou poder para pisar serpentes e escorpiões, e toda a força do inimigo, e nada vos fará dano algum." (Lucas 10:19)

sábado, 23 de janeiro de 2010

Intimidade com Deus


Hoje gostaria de contribuir  falando acerca da necessidade de buscar  cada dia  intimidade com Deus.

Segundo alguns dicionários, intimidade teria uma definição complexa, que poderia variar por diversos fatores, mas podemos dizer que está  ligada com o sentimento de afeto dentro de um relacionamento.

"A intimidade do Senhor é para os que o temem, aos quais ele dará a conhecer a sua aliança." (Sl 25:14)

Segundo o próprio Deus nos ensinou, uma das formas de buscarmos a Ele é fazendo jejum (entregando algo que nos custe) e orando (sempre, inclusive na madrugada), pois, dessa forma, estaremos nos doando ao Pai (doando o nosso tempo, abrindo mão de alguns prazeres por amor a Ele). Vale lembrar, como dito no Evangelho de Mateus 6, esse momento deverá ser apenas nosso com Deus.

“Quando jejuardes, não vos mostrei contristado como os hipócritas; porque desfiguram os seus rostos, para que aos homens pareça que jejuam. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão. Porém tu, quando jejuares, unges a tua cabeça, lava o teu rosto, para não pareceres aos homens que jejuas, mas ao Pai, que está em oculto, que vê em oculto, te recompensará.” (Mateus 6)


O propósito dessa intimidade é o nosso fortalecimento espiritual, pois quando nos comprometemos com o mundo, não podemos ser usados por Deus. Por isso a necessidade de morrermos e nascermos verdadeiramente em Cristo.

“Jesus respondeu: Em verdade, em verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus” ( Jo 3:5)

A partir do momento que temos essa intimidade com Deus, conseguimos encontrar as respostas que buscamos. Paramos de querer fazer apenas a nossa vontade e passamos a ser servos de Deus, seguir o propósito que Ele tem em nossa vida.

Quando estamos com Deus, por maior que seja a dificuldade, por mais longo que seja o caminho, Ele sempre estará conosco, nos mostrará o caminho a ser seguido, acompanhará nossa jornada.

“Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti.” (Is 43.2).

Assim, buscando respostas, tenho cada dia procurado compreender os propósitos de Deus, dessa maneira, conseguindo uma intimidade cada vez maior com Ele e, acima de tudo, superado algumas confusões que me cercam.


Tenho buscado superar as tempestades em minha vida e somente em Deus tenho certeza das minhas vitórias.

Que você possa também caminhar cada vez mais juntinho de Deus.

Por Frederico Melo Lacerda

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

Encontro Divino



Um dia vi uma luz bem distante. Alguma coisa nela me chamou a atenção. Era como se aquele brilho tão constante me atraisse.
Por curiosidade, decidi ir ao seu encontro para apreciá-la mais de perto. Na empolgação, comecei a correr, mas fui ficando ofegante, quando corria, mal enxergava o meu alvo, entrava cisco em meus olhos.

O sol começou se pôr, pensei que tinha me enganado, porque já não via a luz que seguia, na dúvida, resolvi acreditar que aquilo era um erro, alucinação.
Desanimada, resolvi retornar para a minha vidinha de sempre. Como poderia eu acreditar em uma luz "não identificável"? Há vezes, por falta de uma algo maior, a gente acredita em tanta coisa...
"A fé é firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que não se vêem." (Hebreus 11:1)

Mas, quando dei o primeiro passo para trás, ouvi uma voz, mansa e suave que me dizia: "Prossiga! Há algo a ser encontrado. Mas não corra, ande. Você terá a sua recompensa." Meio assustada, resolvi dar crédito, afinal, eu precisava de algo diferente aquele dia...
"Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no meio do paraíso de Deus."(Apocalipse 2:7)

Dessa vez continuei, mas não corri, resolvi seguir o conselho e ir andando. Procurei incessantemente com os olhos, mas não encontrei o dono daquela voz. Que voz confortadora!, pensei comigo.

Depois de algumas horas, deparei-me com uma praia. Que lindo lugar! Mas eu já estava cansada, assim sentei-me um pouquinho para contemplar aquela beleza natural.
Olhei para o alto. A luz estava lá. Agora, mais perto do que quando a vi pela primeira vez, entretanto senti que ainda necessitaria caminhar mais umas horas até chegar ao seu alcance.

Resolvi entrar no mais profundo do oceano, mas, a certa altura, houve uma tempestade. Comecei a submergir, pensei que não conseguiria me salvar. E realmente não consegui. No entanto, em meio ao desespero senti uma presença junto a mim, lá estava a mão divina que me fez emergir e respirar o ar da vida novamente. Com cuidado, fui conduzida para a margem. Assustada, chorei muito, mas a voz disse pra eu continuar.
"Não to mandei eu? Esforça-te, e tem bom ânimo; não temas, nem te espantes; porque o SENHOR teu Deus é contigo, por onde quer que andares." (Josué 1:9 )


Quando abri os olhos, vi que o amanhecer já estava chegando...
Não morri porque minha salvação sempre esteve presente. O cuidado sempre esteve à minha disposição.

Continuei a caminhar por mais algumas horas. A paisagem agora estava mudada, região desértica. Cada passo era doloroso, o sol escaldante, comecei, mais uma vez, a desacreditar na luz. Será que para encontrá-la eu deveria me desgastar tanto? E se ela não existisse?

Ao longe, vi um oásis. Que alegria! Pude beber daquelas águas, molhar meus os pés e sentir o frescor.   Sempre querendo mais, dei alguns passos adiante, porém machuquei meus pés com algumas pedras, tive alguns cortes profundos, no entanto, mais uma vez o meu socorro, às vezes tão invisível, cuidou das minhas feridas.
"Dá vigor ao cansado e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor." (Isaías 40:29)


Restaurada, continuei. Passei por muitos lugares, tive muitas alegrias, todavia vivi momentos difíceis também. Porém o mais grandioso de tudo foi ter alcançado meu objetivo. Foi simplesmente inacreditável!
"Mas os que esperam no SENHOR renovarão as suas forças e subirão com asas como águias; correrão e não se cansarão; caminharão e não se fatigarão." (Isaías 40: 31) 

Ao final, pude ver com os meus próprios olhos que realmente existe a luz e a gente pode chegar até ela. Que felicidade de ter chegado! Fui tão bem recebida! Vi um homem de braços abertos que me chamou pelo nome. Reconheci a sua voz. Era a mesma que me dizia palavras de ânimo. Ele era a voz, Ele era a luz. E a luz era um tesouro de alto valor, o maior que eu poderia ter encontrado.
“Mas, como está escrito: As coisas que olhos não viram, nem ouvidos ouviram, nem penetraram o coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam.” (1 Coríntios 2.9)

Me encontrei com Deus! Eu vi a glória do Senhor!

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Se o meu povo se humilhar...

"E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra." (II Crônicas 7:14)


Quer ganhar o coração de Deus? Se humilhe!


"Excelso é o SENHOR e olha para o humilde, mas conhece o soberbo de longe." (Salomos 138:6)

O único Eu sou é Deus, o único e grande Eu sou. Mas há muitas pessoas querendo "ser" também. Essa reflexão me remete a um questionamento shakesperiano: Ser ou não ser? Eu diria que a melhor reposta seria não ser...

Todos querem ser poderosos, ser conhecidos, exaltados, elogiados. Basta darmos uma voltinha aqui mesmo, na web, para vermos como isso é notório. Nos sites de relacionamento pessoal vemos como é corriqueiro a necessidade das pessoas se promoverem.
 
O problema é que, como só existe um Eu sou, para elas serem, necessitam entrar na corrida desenfreada pelo sucesso que, para atignir o pódium, exercita o "eu quero", "eu tenho", "eu posso". Como há disputa neste mundo! E o pior é que dentro da igreja também não é diferente...

As lutas servem para nos mostrar a nossa fraqueza e, assim, não querermos ser nada.  Somos limitados!
Muitas vezes, na caminhada, devemos calçar as "sandálias da humildade" para nos lembrar quem verdadeiramente somos: ninguém!


Deus me falou algo que me chamou muita atenção ontem, Ele disse: "Como há disputa. As pessoas não querem mais o que dou a elas, mas querem o que é do outro." Que grande verdade de Deus! Ninguém se contenta com o que tem, sempre quer mais porque acha que o outro tem mais. Ninguém olha mais para Deus, não liga mais para os sonhos que Ele sonhou para nós. 
 
Enquanto milhões estão na luta desenfreada querendo "derrubar" o outro, "superar" o outro, ser melhor que o outro, ganhar aquela  vaga que o outro não merece, ser "mais" que o outro, Deus vai se afastando deste e aí o que resta? Resta frustração, decepção...
 
Por que querer  o que é do outro se Deus tem reservado o melhor para nós? Porque não escutamos a voz de Deus, mas escutamos a voz do inimigo que deseja que não amemos o próximo, mas, antes, invejemos ele.
 
Só conseguiremos as vitórias nos humilhando para  o Pai e não disputando com a força do nosso braço. É promessa do Senhor! Se nos humilharmos Ele nos sarará, não importando se a nossa doença é financeira, familiar, sentimental. Ele é o Deus do impossível, pode tudo!
A vontade do Pai é que nos prostremos perante Ele, que reconheçamos que só Ele é perfeito. O Senhor deseja isso não porque Ele é egocêntrico, mas porque quando nós nos "achamos", consequentemente, o desprezamos.

Não sei qual é o seu maior sonho, mas o meu é viver a vida que o Pai tem pra mim, é ficar juntinho desse Deus de amor, por isso me humilho perante Ele, confesso que sou pecadora, que sou impotente, que dependo totalmente Dele.

Se o seu coração tem se enchido de glória, volte-se para Jesus. Lembre-se: O fillho, mesmo sendo Deus, foi humilhado para que hoje nós tivessemos vida e vida em abundância. Quem somos nós para querermos a honra deste mundo? Haveria uma humilhação maior do que ser açoitado, pregado em uma curz, zombado, coroado com uma coroa de espinhos e ser assassinado, mesmo sendo inocente?

O favor do Senhor está com os sinceros, os quebrantados de coração. É para os humildes que Ele se atenta.

E para os hipócritas de plantão, os mentirosos, os egoístas, os soberbos, deixo-lhes uma pergunta: Pois que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, se perder a sua alma? Ou que dará o homem em recompensa da sua alma? (Mateus 16:26)

Me prosto diante de Ti, meu Pai! Te amo!

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

Prova-me o coração, Senhor!


Buscar a Deus é algo maravilhoso e sentir a presença Dele é a grande recompensa. No entanto, algumas vezes muitas barreiras se erguem para que não consigamos alcançar o desejado de nossas almas.

Eu creio que essa dificuldade ocorre na vida de todos cristãos.
O fato é que Jesus disse que o Pai está a procura de verdadeiros adoradores, aqueles que O adoram em espírito e em verdade. (João 4: 23). Adorar a Deus é amá-lo, é reconher que tudo é Dele e por Ele; é ser grato por sua misericóridia, seu cuidado e suas bênçãos. Assim sendo, o Senhor precisa encontrar esses verdadeiros adoradores e, para achá-los, é necessário que Ele os prove, ou seja, permita que, de certa forma, não tenhamos tanta facilidade em buscá-lo. Meio paradoxal, não é?

Explicando melhor: O primeiro mandamento diz que devemos amar a Deus sobre todas as coisas, então, todo cristão praticante se diz amante de Deus e o louva, o adora, glorifica seu nome.
É muito fácil amar a Deus quando Ele nos abençoa, certo? Quando tudo vai bem é muito simples entrarmos na igreja com um sorriso imenso, cantar louvores e até mesmo exercer nossas obrigações ministeriais, assim como profissionais e familiar. Porém, Deus prova os corações.

"E ferirei de morte a seus filhos, e todas as igrejas saberão que eu sou aquele que sonda os rins e os corações. E darei a cada um de vós segundo as vossas obras." (Apocalipse 2:23)

Multidões abrem a boca para bendizer a Deus, mas a sua adoração, o seu amor não sobem aos céus, sabem o porquê? Porque muitos louvam com mentira, por tradição, por espírito enganador, para agradar o homem ou para agradar a si próprio, ou simplesmente porque não conhece a Deus.

Estes, preferem tentar enganar a Deus e receber a glória para si mesmo do que se render ao amor divino. Que triste!
Eu costumo dizer que se o homem não gosta de que mintam para ele, por que Deus que é onipotente gostaria?

E é por tudo isso que o Senhor busca descobrir que verdadeiramente o ama acima de todas as coisas. Não igual a todas as coisas, mas ACIMA de tudo. ACIMA do seu talento, ACIMA da sua profissão, da sua família, da sua igreja, da sua casa, do seu carro, ACIMA dos seus sonhos, ACIMA deste mundo...


Assim como o Pai permitiu que o inimigo devastasse a vida de Jó, Ele também permite algumas situações desagradáveis em nossa vida. Deus permite isso não porque Ele seja ruim ou vingativo, mas porque é na dificuldade que reconhecemos a nossa limitação e verdadeiramente damos o valor, o amor merecido ao Senhor.

"E disse o SENHOR a Satanás: Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus, e que se desvia do mal. Então respondeu Satanás ao SENHOR, e disse: Porventura teme Jó a Deus debalde? Porventura tu não cercaste de sebe, a ele, e a sua casa, e a tudo quanto tem? A obra de suas mãos abençoaste e o seu gado se tem aumentado na terra. Mas estende a tua mão, e toca-lhe em tudo quanto tem, e verás se não blasfema contra ti na tua face. E disse o SENHOR a Satanás: Eis que tudo quanto ele tem está na tua mão; somente contra ele não estendas a tua mão. " (Jó 1:8-12)

Tenho passado por essas dificuldades esses dias... Quantas coisas tem tentado me afastar do Senhor! Como satanás tem se levantado!
Tanta vezes parecia-me que não havia força para buscar a Deus, mal conseguia orar, tinha dificuldade até mesmo de ir à igreja. E a fé? Nem se fale... Como a minha fé foi abalada! Como me senti envergonhada perante o Senhor, já que nem mesmo acreditava em sua voz... Que deserto!

Nesses dias tenho provado com mais profundidade como o Senhor é imprescindível em minha vida. Como tenho visto que eu sou pó, sou limitada, sou errada, sou pecadora. Deus é tudo! Ele faz como e quando Ele quer, mas o mais importante disso é que, apesar de tudo, da minha pequenez, Ele me ama! Ele te ama! Aleluia!!!

É na luta, na dificuldade, é quandos existem tantas barreiras que nos afastam do Senhor que verdadeiramente reconhecemos que Ele é incomparável. E, assim, corremos, choramos, e mesmo sem força, clamamos por Ele, gritamos por sua misericórida mesmo que seja só no coração, já que tantas vezes até a voz nos falta.

Não há nenhum deserto maior do que a falta do Espírito Santo. Não há uma luta maior do que as barreiras que te impedem de sentir a Deus. Não há uma tristeza maior do que a falta de Jesus, não há.

Por amor a Ti, por conhecer seu coração, por receber sua adoração quando tudo está ruim que o Senhor agirá, porque aí Ele verá que você ama o dono da bênção mais do que as bênçãos que Ele pode te dá.

O amor de Deus é tão maravilhoso que Ele cuida de nossas vidas e até mesmo nos carrega no colo nas dificuldades, só para conhecermos o seu amor, o seu poder. É nas nosas fraquezas que Ele mostra o seu poder.


Nada neste mundo Senhor se compara a Tua presença. Obrigada por Tua misericórida. Te amo mais do que tudo neste mundo!


terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Ano novo, vida nova?


Olá, amados! Quanto tempo sem postar, hein?

Bom, fim de ano é sempre uma correria, mas graças a Deus janeiro para mim ainda é mês de férias. Muito bom descansar para começar o ano com energia total.

Falando em energia total, podemos associar esse jargão de virada de ano a tantos outros. Em tempos de reveillon chega a ser cansativo ouvir tais frases: "Feliz ano novo!"; "Que seu ano seja cheio de saúde, paz, amor e sucesso"; "Ano novo, vida nova". Calma, gente! Não sou contra votos de felicidade, desde que os mesmos sejam sinceros são bem vindos sim, entretanto, não gosto da mesmice, da tradição, do dizer por dizer.

Passei a virada na igreja, por sinal é algo que pretendo fazer todos os anos da minha vida, comemorar todas as datas importantes louvando a Jesus. Porém, nem mesmo nesse ambiente as pessoas desejavam votos diferentes dos supracitados. Onde ficou Deus nos nosso planos de 2010?

Há como termos um 2010 feliz sem Jesus? Então, por que desejar um feliz 2010 de forma vazia e tradicionalista e não desejarmos um feliz 2010 com Jesus? Por que Deus não está nas nossas frases de felicitações? Porque mesmos nós, seguidores de Cristo, muitas vezes negamos a Ele, assim como fez Pedro, seu discípulo.

"E lembrou-se Pedro das palavras de Jesus, que lhe dissera: Antes que o galo cante, três vezes me negarás. E, saindo dali, chorou amargamente." (Mateus, 26:70)

E o que falar daqueles que não estão nem aí para Deus? Antes, fazem esplendorosos banquetes regados a muita bebida, luxúria, gula e ainda acreditam que terão uma vida nova. Que vida nova é essa que já começa com os mesmos costumes de sempre, da vida velha?

Por que é tão fácil acreditar que após o término de 365 dias, um ciclo anual, e o começo de outro faria com que a nossa vida mudasse, e pra melhor, e é tão difícil crer que Jesus, e somente Ele, pode mudar totalmente a nossa vida, assim como fez com Paulo?

E o que falar das milhares de mandigas, simpatias, oferendas, simbologia, roupa branca, tudo unido em um ritual que se repete por anos e anos? Tudo da mesma forma, tudo do mesmo jeito...

No fim de tudo, a única conclusão: os dias estão passando, estamos ficando mais velhos, mais próximos da morte e muitos continuam na velha vida.

Ao contrário do que diz várias crendices a nossa vida não muda a partir de um reveillon, mas muda quando, dentro do nosso coração, ansiamos por mudança, por uma vida nova.

Vida nova só existe com Cristo. Vida nova é ter o caráter de Cristo. Vida nova é nascer de novo com Cristo Jesus.


Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, tornar a entrar no ventre de sua mãe, e nascer? Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito. Não te maravilhes de te ter dito: Necessário vos é nascer de novo."  (João 3:3-7)

Apesar de já estarmos praticamente na metade do primeiro mês do ano, ainda dá tempo de você ser uma nova criatura em Cristo.
 
Saia deste lugar de maldição onde você está, saia da mesmice, não aceite que seus dias sejam sempre iguais, mas se mova, se mova em Cristo e veja o que Ele pode fazer em sua vida.
 
E nós, que já somos batizados, já nos consideramos novas criaturas, também devemos nascer de novo todos os dias, porque a velha criatura sempre quer abdicar de espaço para nascer outra vez.
 
Pare e pense onde você precisa de mudança? O que tem ocorrido durante anos na sua vida que você já não suporta mais? Qual área da sua vida parece que nunca muda, nunca rompe? Só Jesus pode mudar sua vida, sua história.
 
Aquele que está em Cristo é nova criatura, as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo" (II Co.5.17).
 

É este o meu voto para 2010, ainda que atrasado, e meu voto enquanto eu ainda tiver fôlego de vida: Que todos os dias você tenha uma vida nova com Cristo, somente com Ele.
 
Dê-me, Senhor, a Tua vida, em todos os meus dias, para que eu possa sempre viver por Ti e para Ti. Obrigada por mais um ano contigo!