segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Compartilhar as boas novas


Deus é bom demais pra termos só para nós, não é verdade?
Uma pessoa que possui vida íntima com o Altíssimo, que verdadeiramente conhece o Pai, possui um coração que pulsa pelo desejo de levar aos quatro cantos as boas novas.

Compartilhar o amor divino é desejar que todos alcancem a felicidade, a verdadeira felicidade.

"No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por intermédio dele, e sem ele nada do que foi feito se fez. Nele estava a vida, e a vida era a luz dos homens; a luz resplandece nas trevas, e as trevas não prevaleceram contra ela." (João 1:1-5) 


Ao contrário do que nos faz acreditar o senso comum (algo que um dia eu também já acreditei), nem todos são filhos de Deus, mas todos somos suas criaturas. Ser criatura divina não nos dá direito a nenhuma herança, até porque o próprio diabo, inimigo do Senhor, é  criatura divina e não tem nenhuma parte com Deus, ou seja, não compartilha com Ele da sua glória, antes, tem seu veredicto determinado, no lago de fogo eterno, bem longe da presença do Onipotente.

Há 2009 anos o filho unigênito veio ao mundo para que pudessemos ser transformados de criaturas a filhos de Deus.

"Pois a verdadeira luz, que alumia a todo homem, estava chegando ao mundo. Estava ele no mundo, e o mundo foi feito por intermédio dele, e o mundo não o conheceu. Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. Mas, a todos quantos o receberam, aos que crêem no seu nome, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do varão, mas de Deus. E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade; e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai." (João 1:9-14)


Quando nos tornamos filhos de Deus, além da dádiva de sermos salvos, dividimos com Jesus a graça de sermos herdeiros do Onisciente e conquistamos, dessa maneira, deveres e direitos. Nossos direitos são os melhores possíveis. Direito à cura, prosperidade, felicidade, ou seja, toda sorte de bênçãos. Já como deveres, temos um dos mais essenciais que consiste em levar a verdade a todos os cativos, assim como Jesus disse: "Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda a criatura." (Marcos 16:15)

Quando amamos a Deus este mandamento não se torna obrigação, mas uma necessidade, bem como um grande prazer.
Amar ao próximo ao ponto de desejarmos que ele também seja salvo e compartilhe das bênçãos divinas é possuir um coração missionário. Um coração missionário é presente de Deus para os seus filhos, pois o nosso Pai não faz acepção de pessoas, Ele ama todos os seus filhos e todas as suas criaturas.

Antes eu me afligia por não saber o que falar de Jesus, temendo não ser levada à sério, mas um dia Deus me disse que não eram as minhas palavras que deveriam ser ditas, mas as palavras Dele, já que somente a verdade de Deus prevalece e tem poder. Muitos querem que os outros aceitem a sua verdade, para que, assim, ele seja exaltado. No entanto, todo o homem que tem esse intuito acaba se frustrando. Deus não é religião, Ele é compromisso.


"Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei." (Isaías 55:11)


É a palavra de Jesus que tem poder para curar, libertar, salvar e restaurar.

Não sou contra nenhuma festividade, porém tenho total certeza de que quem criou todos esses mitos de natal foi alguém, a luz da palavra, com príncípios totalmente anti-cristãos. Como pode haver um dia em comemoração ao nascimento do Salvador em que os atores principais são uma árvore e um homem que só serve para entregar presentes? É muito bom sim estar com nossos familiares,  participarmos de uma boa ceia e até receber alguns agrados, porém a estrela principal de todos os dias é Jesus  e somente Ele é digno de toda honra e toda glória, pois como cordeiro mudo e imaculado levou sobre Si as nossas maldições.

As criaturas comemoram o dia 25 de dezembro desejando paz, amor, sucesso e saúde e trocando presentes, contudo, os filhos comemoram o nascimento de Jesus todos os dias, tendo uma vida de comunhão e santidade e sabem que só existe paz, amor, sucesso e saúde quando ambos estão firmados em Jesus, uma vez que esses sentimentos são intrísecos a Ele e o que passar disso é ilusão.


Desejo a todos vocês um grande coração missionário, disposto a compartilhar o precioso presente de Deus: Jesus.
Tenham amor pelas almas e a felicidade de servir um Deus que morreu e ressuscitou, que vive e reina para todo o sempre.
Que todos os dias sejam dias para pregar a palavra, anunciando o nascimento do Salvador.

Obrigada por compartilhar conosco a Tua salvação, Jesus!

3 comentários:

  1. Que texto lindo amada !

    É verdade ! O amor dEle por nós é maravilhoso ! Ele nos comprou de Satanás derramando seu sangue na cruz ! Nos libertou de todos os nossos pecados. É mais do que justo que nós criaturas, paremos de ter um amor humanamente egoísta e comemorarmos o aniversario dEle não só no dia 25, mas como todo dia ! Comemorarmos nao só dando presente, mas sim chamando Ele para a nossa mesa, ficar repleto de paz e amor e lembrar do dia que Ele nasceu !

    Deus te abençoe amada !
    Feliz Natal, que sua casa esteja repleta de paz !

    ResponderExcluir
  2. Hum!Como todo blog de toda mulher bem organizado.Obrigado pela sua visita em meu blog e é claro o seu comentário nele.Rosiane fique na paz de CRISTO Jesus.Assim as questões colocado na blog sobre os construtores vem para construirmos uma ótima exegese aparte da temática bíblica.Não sei se você deu uma lida nele todo porque sou meio chato em relação a história principalmente na idade do bronze rsrsrsrsrss.Mais como você mesma falou: Espero que possamos compartilhar grandes verdades divinas.Aqui meu msn e hot:whotton_@hotmail.com ,seria interessante saber como é a obra de Deus em Monte Carlos Minas Gerai,pelo o motivo de mim mesmo mora em Salvador Ba.rsrsrs

    ResponderExcluir
  3. Olá, estou conhecendo seu blog é a primeira vez que o visito.Parabens por dedicar tempo para escrever e tentar passar um pouco de palavras biblicas aos navegantes. Convido-lhe para visitar meu GRAÇA PLENA, sua visita e impressoes serão uma honra para mim. Deus lhe abençoe e um otimo ano novo.

    Joelson Gomes
    http://gracaplena.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar no blog!