quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Eu tenho a vida de Deus em mim!

Só quem tem sabe o que é. Só quem vive sabe como é. Só quem sente consegue explicar ou, pelo menos, tenta...

Já falei isso em posts anteriores, estou até ficando "redundante", mas o fato é que não consigo parar de repetir o quanto Deus é bom e, melhor do que a bondade do criador, é só ficar juntinho, coladinho Nele.
E por que repetir tanto? A resposta é simples! Porque a presença de Deus me preenche de forma avassaladora e, por tanta graça recebida, Ele é digno de toda honra e adoração.

"Entrai pelas portas Dele com gratidão, e em seus àtrios com louvor. Louvai-o e bendizei o seu nome." (Salmos 100:4)

Sabe, antes sempre ouvia dizer que "Deus era digno de adoração", que "deveríamos adorá-lo" e etc, mas, sinceramente, eu achava que isso era algo de cunho egoísta... No entanto, com o decorrer do tempo, fui permitindo que que o Senhor fizesse uma transformação em minha vida e, assim, foi nascendo em mim um sentimento novo, algo diferente...
Antes, até queria estar na presença de Deus, porque sabia que isso era o certo, porém muitas coisas me impediam e eu achava tudo muito chato. Achava chato viver com Deus porque tudo que Ele indicava como pecado era bom demais pra mim, ou seja, eu sentia muito mais prazer em fazer o que não agradava a Ele, do que abdicar de um tempo para buscá-lo. Sei que esse sentimento ainda permeia muitos corações, pra muitos, ter uma vida com Deus chega a ser entediante. Contudo, não esqueçam que o nosso coração e os nossos olhos nos enganam...
Descobri, abdicando aos poucos das minhas vontades e buscando desesperadamente um socorro, o quão precioso é fazer a vontade de Deus, quão maravilhoso é estar na presença Dele!
Não há nada melhor que viver uma vida buscando cumprir os mandamentos de Deus, pois você dorme com a consciência tranquila. Legalmente, moralmente e eticamente falando você está 100% correto, já que nem precisa ser cristão para concordar que os preceitos de Jesus são os melhores. E tem mais! Você recebe todos os dias um amor incondicional, premiado com bênçãos infinitas.

"Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus. Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados. Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra. Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça porque eles serão fartos. Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia. Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus. Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus. Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguiram e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa. Alegrai-vos e exultai, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram aos profetas que foram antes de vós. Vós sois o sal da terra; mas se o sal se tornar insípido, com que se há de restaurar-lhe o sabor? para nada mais presta, senão para ser lançado fora, e ser pisado pelos homens. Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade situada sobre um monte." (Mateus 5:3 ao 14)

Descobri que o evangelho (boas novas) não é algo arbitrário, imposto, mas é amor, um perfeito amor.
Aleluia! Vamos entrar pelas portas do nosso Pai com total gratidão porque temos a vida de Deus, porque somos a luz deste mundo e, por tudo isso, somos chamados de bem-aventurados!

Obrigada por sua vida em mim Jesus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar no blog!